FELIZ ANO NOVO MEUS AMIGOS


domingo, 7 de março de 2010

ABRI AS PORTAS À VIDA



Abri as portas à vida
E fechei atrás de mim
A vida outrora vivida
E nela escrevi um fim

Sequei meu rio de dor
Caminhei até mais não
E nas pétalas d'uma flor
Enxuguei meu coração

Na força do meu querer
Deixei de me procurar
Nas ondas do meu viver
Eu vivo p'ra me encontrar

Neste barco da esperança
Vou navegando sem norte
Nos meus sonhos de criança
Quem escreveu minha sorte?

Nos sonhos que eu sonhei
Ficaram desertos na rua
E nas flores que eu criei
Forrei a minha alma nua

E no cais do desamor
Onde me sinto perdida
Fechei a janela à dor
E abri as portas à vida.

15 comentários:

  1. Olá Laurita
    A porta deve sempre estar aberta para a vida, porque viver é vislumbrar um mundo de possibilidades incríveis.
    Beijos

    ResponderEliminar
  2. Minha querida
    Versos lindos, um retrato da vida fiel, escrito com alma.

    beijinhos
    Sonhadora

    ResponderEliminar
  3. olá querida Laurinha

    PAZ e AMOR



    beijos!!!

    ResponderEliminar
  4. Uma mulher em recomeço é o que vejo. Aberta à vida,às novas sensações, permitindo-se sonhar de novo. Muito lindo ler isso numa data tão especial. Deixo meus parabéns a você e à todas que passam por aqui. Beijos

    ResponderEliminar
  5. Laurita,

    Como te compreendo nestos lindos versos:

    "Abri as portas à vida
    E fechei atrás de mim
    A vida outrora vivida
    E nela escrevi um fim"

    Recebe uma flor neste dia da MULHER.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  6. Laurita, parabéns pelo dia da mulher,

    Abri as portas à vida
    e deixei a vida entrar
    depois fiz-me esquecida
    para dela não me lembrar

    um beijinho,
    José.

    ResponderEliminar
  7. MULHER II

    Mulher é a expressão maior do amor
    É semelhante uma flor
    Consigo carrega o perfume
    Que encanta e da alegria a vida.
    Deixando-a mais sensível, alegre e bonita.

    Mulher é a musa do poeta
    Que em versos expressa o carinho
    A sensibilidade, a delicadeza
    A sexualidade e toda a beleza
    Que há neste Ser de olhar frágil
    Meigo e amável
    Fonte inesgotável de inspiração.

    Mulher é a manifestação
    De um Deus invisível
    Que se torna visível
    No amor e ternura que nela há
    Onde seu Ser se esvazia
    Amando com total dedicação.
    O Ser amado e sua criação.
    Quando ama, ama sem limites
    Mesmo que a dor
    Seja sua constante companhia.

    (Ataíde Lemos)

    "FELIZ DIA INTERNACIONAL DA MULHER!!"
    Abraços com carinho

    ResponderEliminar
  8. E fizeste muito bem abrir as portas à vida.
    Tal como no poema, que é muito bom, como sempre.
    Querida amiga, não gosto de dias... ainda assim, desejo-te um feliz dia da mulher.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  9. Oi minha amiga, como são lindas as contas do teu rosário, são como gotinhas de orvalho, só que as gotinhas desaparecem com a luz do sol.
    E essas ficam como as marcas feitas pelas ondas do mar, com grandes crateras.
    Beijinhos de luz e um forte abraço e feliz noite.

    ResponderEliminar
  10. Abri as portas há vida
    e te dei meu coração
    hoje me encontro perdida
    nesta triste solidão.

    Meu anjo venho deixar em teu rosto o meu beijinho de luz.

    ResponderEliminar
  11. Laurita

    Parabens pela sua força anímica e pelos seus dotes poéticos. Escreveu um poema muito belo sobre a vitória da esperança e da alegria.
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  12. Querida Laurita,

    Ao vir desejar-te um bom fim de semana, reli o poema e mais uma vez, fascinei-me com a primeira quadra... que me diz tanto:

    " Abri as portas à vida
    E fechei atrás de mim
    A vida outrora vivida
    E nela escrevi um fim!"

    Beijinhos,

    Maria

    ResponderEliminar
  13. Querida amiga, já era tempo de novo poema...
    Mas reli este e continuei a gostar.
    Boa semana, um beijo.

    ResponderEliminar
  14. Passei por aqui e deixo um beijinho. Boa semana.

    ResponderEliminar